Para não restar dúvidas: O que é Socialismo? (por B. Torres)

Antes de qualquer coisa, quero dizer que este não é um texto que se pretende ser “panfletários”, o tipo de texto que pretende ser colocado em folhetos para fins de divulgação em trabalhos de massas. Não, este texto não possui essa pretensão.

Este texto possui, sim, a pretensão de introduzir as pessoas num debate teórico mais profundo, isto é, um debate conceitual, sobre o conceito de “socialismo”; ou pelo menos do que podemos definir conceitualmente como socialismo com base nas premissas básicas da aplicação concreta do socialismo e na doutrina do marxismo-leninismo.

A necessidade de um texto desse teor (que enfatiza a conceituação leninista do socialismo) vem das discussões que sempre surgem nos círculos da esquerda sobre haver ou não haver mais nenhum país socialista no mundo.

– Cuba é socialista? Sempre foi? Não é mais?

– A URSS foi socialista antes de 1928? O socialismo acabou com Stálin? O socialismo acabou já com Krushev na década de 50? Ou o socialismo foi solapado aos poucos tendo só restaurado o capitalismo de vez com as políticas de Gorbatchev e Yeltsin?

– A China é socialista ou capitalista? Há capitalismo na China? Há socialismo na China?

– E a Coreia do Norte? Também é socialista?

Todas estas dúvidas não serão saciadas diretamente por este texto. Mas para sanar todas elas, é necessário que se entenda antes o básico do conceito leninista de socialismo. E é isto que este texto vai tratar.

Sem ter uma base sólida do próprio conceito do que vem a ser o socialismo, você não pode apontar se determinado país é ou não é.

Não atribua ou renegue um conceito a algo ou alguém, se você não sabe com certa razoabilidade o próprio conteúdo deste conceito. Vale a máxima: Quem não estuda não tem direito a palavra.

Mas vamos lá.

Continuar lendo

Anúncios

Esquerdismo, Imperialismo e Revisionismo!

Um jovem que se diz revolucionário mas não é comunista, é um uma pessoa num quarto trancado com uma venda e de mãos amarradas. Não enxerga seu caminho, seu objetivo, não tem ferramentas para atingi-lo, não sabe o que faz, nem para onde vai. Não existe a luta por uma sociedade “mais igualitária”, existem dois modelos conhecidos, um excludente e desigual, outro igualitário, não existem outras gamas, porque são modelos de apenas duas classes, classes estas que a História provou ter interesses antagônicos.

Continuar lendo

Einstein: “Por que socialismo?”

NOTA: Originalmente intitulado “Why Socialism?”, foi escrito por Einstein para o primeiro número (1949) da revista marxista estadunidense Monthly Review. Esse texto, de maneira sucinta, deixa claro os posicionamentos gerais de Albert Einstein no que concerne a questão política e econômica.

É aconselhável que alguém que não é um especialista em assuntos econômicos e sociais expresse suas opiniões acerca do tema do socialismo? Creio, por uma quantidade de razões, que sim.

Continuar lendo

Hegel: A dialética do Senhor e do Escravo

Dois homens lutam entre si. Um deles é pleno de coragem. Aceita arriscar sua vida no combate, mostrando assim que é um homem livre, superior à sua vida. O outro, que não ousa arriscar a vida, é vencido. O vencedor não mata o prisioneiro, ao contrário, conserva-o cuidadosamente como testemunha e espelho de sua vitória. Tal é o escravo, o “servus”, aquele que, ao pé da letra, foi conservado.

Continuar lendo

A definição de Capitalismo e Liberalismo & O anacronismo político dos liberais (por B. Torres)

Muitos liberais pautam o liberalismo como um sinônimo absoluto do capitalismo. Nós comunistas sabemos que são coisas plenamente interligadas, mas não são necessariamente a mesma coisa. Então, com base em referências históricas, esse texto deixa claro este mau uso do termo “capitalismo” (como algo equivalente a “liberalismo”).

É comum que as pessoas confundam o significado do termo Capitalismo, principalmente em debates, no entanto, isso é grave erro. Quando o termo capitalismo é cunhado como equivalente de liberalismo, legitima que indivíduos, por desonestidade intelectual preguem que “Se capitalismo = liberalismo, quanto mais liberal um país é, mais capitalista o país é”.

No entanto, são termos de significados diferentes.

Continuar lendo